O que tenho que aprender para desenvolver o AMADIS 1.x

Da AMADIS

Revisão das 04h37min de 4 de Julho de 2006 por Juliano (discussão | contribs)
(dif) ← Revisão anterior | Revisão actual (dif) | Revisão seguinte → (dif)
Peca esboço.gif

'Este artigo é somente um esboço para um artigo maior.
'Quer ajudar o AMADIS? Acrescente alguma informação!

Desenvolver para Web é um grande desafio! É comum, mesmo para o programador experiente, se assustar com o grande número de tecnologias envolvidadas, a complexidade dos sistemas, a falta de metodologias adequadas e de ferramentas de suporte.

Quando um novo desenvolvedor junta-se ao projeto e começa a navegar pelo código do AMADIS, sempre surge um sentimento de desorientação. Ele se pergunta, onde essas coisas estão aparecendo? Como elas funcionam? Como esse pedaço de código renderiza uma caixa verde e a mesmo trecho em outro lugar desenha ela azul? Bem, foi para esse desenvolvedor iniciante que esse artigo foi escrito. Nele define-se brevemente as diversas tecnologias utilizadas no desenvolvimento do AMADIS, dando uma breve descrição e apontando links para mais informações. Antes do novo desenvolvedor poder se aventurar pelo código do AMADIS, ele deve ter uma idéia de como funcionam essas tecnologias.

Índice

Programação

Apesar de programação não ser uma tecnologia, algumas palavras devem ser tecidas sobre o assunto. A maior parte das pessoas que se envolvem no desenvolvimento do AMADIS são programadores. Isso quer dizer, que elas já tem conhecimentos básicos sobre programação e já fizeram pequenos programas na escola, faculdade ou mesmo em casa. No entanto, torna-se um programador de verdade envolve muito mais do que construir alguns pequenos programas. Normalmente é um processo que leva muitos anos e está relacionado com a aprendizagem não apenas de tecnologias, mas principalmente de metodologias e teorias. Um texto que fala sobre o assunto e é leitura obrigatória é Teach Yourself Programming in Ten Years.

Durante a sua participação no projeto, um jovem programador vai aprender muito sobre diversas tecnologias. Entretanto, é importante que ele se proponha um caminho de aprendizagem, tentando cada vez mais aprimorar suas habilidade e mantenha uma grande curiosidade sobre aquilo que ele ainda não conhece. Quando aprender uma nova tecnologia, ele deve sempre investigar que fundamentos teóricos estão envolvidos e de onde eles provém.

Como o AMADIS é programador utilizando-se técnicas de Orientação à Objetos, é interessante investigar esse paradigma com mais atenção. Ser um bom programador em OO é mais do que compreender a sintaxe da linguagem, mas sim em observar em como essa abordagem muda radicalmente a maneira de construir um programa. Para compreender essas possibilidades, sugere-se realizar esperiências com a linguagem Smalltalk ou Squeak.

Livros que você deveria ler sobre Programação

  • The Little schemer. Friedman, Daniel P.. 4th ed. Cambridge: MIT, 1997. 196 p. : il.

Apesar de você achar que nunca vai programar usando Scheme, esse livro ajuda muito no desenvolvimento do lado funcional do seu código. Alguns dos problemas propostos são extremamente complexos e interessantes. O livro é constituído apenas de exemplos práticos.

  • Algorithms in C. Sedgewick, Robert. 3rd ed. Boston: Addison-Wesley, c1998-c2002. 5 pt. em 2 : il.

Esse livro analisa várias implementação de problemas clássicos da Ciência da Computação. Para o estudante pode parecer que são problemas matemáticos inúteis, mas na realidade são abstrações muito úteis e recorrentes no desenvolvimento de códigos.

  • Concepts of programming languages. Sebesta, Robert W.. 7. ed. Boston: Pearson/Addison Wesley, 2005. xvii, 724 p. : il.

Essa obra é uma discussão teórica sobre os fundamentos dos 4 grandes paradigmas de programação. Ela é especialmente interessante por se constituir em uma abordagem histórica que monta a árvore genealógica de várias linguagens de programação.

Links sobre Programação


HTTP, HTML e User Agents

A Web foi desenvolvida utilizando-se o Hypertext Transfer Protocol (HTTP) e o Hypertext Markup Language(HTML). Um User Agent, como um browser, utilizar o protocolo HTTP para requisitar um documento HTML. O browser então formata e exibe o documento para o usuário. O HTTP é utilizado para transportar outras coisas além do HTML, mas HTML é a primeira língua da Web e das Aplicação WEB. (traduzido de [1])

Com a explosão da Web, o HTML foi tornando-se obsoleto, mesmo com o desenvolvimento de novas versões do padrão. Foi nesse contexto que surgiu o XHTML, que define um documento HTML de acordo com os padrões de um documento XML. Tem-se que em um futuro próximo o XHTML ira substituir o HTML.

O AMADIS contém páginas em HTML. Deseja-se em futuras versões reimplementar todas as interfaces utilizando XHTML.


Links sobre HTTP, HTML

CSS

PHP


JavaScript e JScript


Ajax

Ferramentas pessoais
Parceiros
















SourceForge.net Logo

Supported by Cenqua